23/12/20 10:55 ●

Thinkseg vai pagar o reparo do carro, em até 60 minutos, no seguro auto Pay Per Use

Sistema Cilia faz parceria com Thinkseg para uso de inteligência artificial e pagamento instantâneo do conserto do carro aos clientes do Pay Per Use

A partir de fotos recebidas pelo aplicativo, algoritmo Cilia avalia a condição de cada peça, interna ou externa na região da colisão, para mensurar preço do conserto

A Thinkseg, startup responsável pelo desenvolvimento do seguro automóvel Pay Per Use no Brasil, acaba de fechar parceria com a startup Cilia, única no País com tecnologia de inteligência artificial (IA) na área de vistoria e orçamentos de veículos. No trabalho em conjunto das startups, agora, os clientes Thinkseg passam a contar com aplicação do IA na análise de risco dos acidentes com carro e, assim, rápida aprovação das propostas para consertos e reparos.

"Com a tecnologia inédita do Sistema Cilia no seguro auto Pay Per Use, o pagamento do sinistro passa a ser imediato. O segurado vai poder optar por receber um crédito na hora, na sua "wallet", ou pelo reparo do veículo. Através da IA do Cilia, esse processo será quase instantâneo", afirma o CEO da Thinkseg, Andre Gregori. "A experiência do cliente, no momento que ele mais precisa da seguradora, será mais rápida e transparente, completa.

No seguro auto tradicional, o cliente tem esperar até 10 dias para a aprovação do orçamento a partir do momento do registro da colisão do veículo. Só, então, começa o processo de reparo. O ciclo todo demora cerca de 1 mês ou até mais.

Com o uso da IA do Cilia, ao tirar fotos do veículo batido, no local do acidente, o cliente encaminha as imagens por meio do aplicativo da Thinkseg. A partir das fotos, o algoritmo Cilia avalia a condição de cada peça interna ou externa na região da colisão. É feito um mapeamento tecnológico, com a comparação da imagem em um banco de dados armazenado. A aplicação da IA no banco de dados é que permite mensurar preço das peças danificadas, quantidade de horas necessárias para o reparo, até a apresentação do orçamento total ao cliente. E tudo isso é feito em minutos.

O aplicativo Thinkseg, agora com a IA do Cília, rastreia peças disponíveis no mercado, preço delas, custo da mão de obra e oficinas para o reparo. São quase 5 mil oficinas cadastradas no Sistema Cilia para a prestação do serviço.

"O Sistema Cilia já alcançou esse ano quase 2 milhões de orçamentos de forma totalmente automatizada e digital. A jornada do cliente, na hora da colisão do veículo, é facilitada e interativa, pois ele mesmo colhe rapidamente as imagens pelo aplicativo. Além disso, a IA traz maior precisão e eficiência em todas as etapas do orçamento para a seguradora. O algoritmo é capaz de apontar danos quase imperceptíveis, como trincas e riscos leves", diz o CEO do Sistema Cilia, Daniel Barbosa.

O ranking das peças mais danificadas ao longo de dois anos tem sido na parte dianteira do veículo, envolvendo para-choque, capô do motor e, em terceiro lugar, barra/viga de impacto dianteiro.

O algoritmo patenteado do Cilia, desenvolvido em parceria com exclusividade com uma Universidade Federal, já vem sendo utilizado no mercado brasileiro por grandes seguradoras multinacionais, despertando o interesse de países de fora, como Colômbia, Chile, Equador, China e Estados Unidos. "Estamos preparados para já no próximo ano começarmos nosso plano de expansão global", explica Daniel.

Mais informações: press@thinkseg.com

Sobre o Grupo Thinkseg - Criada em 2016, a startup de tecnologia em seguros Thinkseg é pioneira na oferta de produtos personalizados, com aplicação de tecnologia e inteligência artificial em seguros. Em meados de 2018, foi a primeira insurtech a realizar uma transação no Brasil com a aquisição da plataforma digital de seguros e produtos financeiros Bidu. No início de 2019, fechou parceria com a seguradora italiana Generali, de atuação mundial, para a comercialização do primeiro seguro por assinatura mensal no País, chamado Pay Per use. Em outubro de 2020, foi uma das insurtechs selecionadas para integrar o sandbox da Susep, entidade que regula e fiscaliza o setor de seguros no Brasil. Hoje, a startup Thinkseg e a plataforma digital Bidu integram o Grupo Thinkseg, pertencente ao investidor Andre Gregori.

Sobre o Sistema Cília - Fundado em 2012, com o capital próprio dos sócios Mauro Guedes, Daniel Barbosa, Leonardo Lobo, Douglas Rezende, a startup tem desenvolvido, de modo pioneiro no Brasil, o algoritmo com uso de inteligência artificial (IA) para aplicação na área de vistoria e orçamentos de veículos no setor de seguros. A pesquisa ocorre em parceria com a Universidade Federal de Goiás. Atualmente, grandes seguradoras do Brasil usam o algoritmo do sistema Cilia nos serviços prestados. A aplicação dessa tecnologia com IA está sendo negociada em mercados como Colômbia, Chile, Equador, China e Estados Unidos.

Sobre o Pay Per Use - É um seguro para automóveis que cobra uma assinatura mensal fixa, como a gente conhece no spotify, netflix, por exemplo. Somada à assinatura mensal, há um valor variável (em centavos de reais), de acordo com cada quilômetro rodado.
A assinatura mensal no Pay Per Use começa a partir de R﹩ 25,00 para os carros básicos. O preço da assinatura aumenta de acordo com o modelo do veículo.No momento da contratação, a pessoa digita o CEP de residência. O cálculo online de preço da assinatura fixa e de cada quilômetro rodado é feito, principalmente, com base no CEP e no modelo do carro. Os outros parâmetros têm menor peso na composição do preço.O seguro auto Pay Per Use é um produto completo por incluir cobertura para acidentes, furto e roubo, de acordo com os valores previstos na tabela Fipe. Também oferece assistências, como reparo de faróis, vidros e lanternas. A cobertura do Pay Per Use é completa.


Contatos dos assessores:

Receba por e-mail o contato dos assessores.

Enviar
Desejo receber informações de marketing.
  • thinkseg
  • www.thinkseg.com/

  • Startup de tecnologia que presta serviços na área de seguros